Marvel Origens – A Década de 1970

marvel-70

A edição é um belíssimo encadernado de capa grossa que traz as origens de alguns heróis icônicos da editora.

Entre os quais estão: Warlock, Luke Cage, Motoqueiro Fantasma, Punho de Ferro, Wolverine, Nova, Capitão Britânia, Mulher-Aranha e Mulher-Hulk.

Só pra constar, a edição além de ser um resgate histórico dos heróis que na maioria das vezes não estão sob os holofotes. Também é uma excelente oportunidade pra nós leitores conhecê-los melhor.

A Marvel é famosa por mostrar personagens com crises existencialistas e problemas do cotidiano que nos conectam aos dramas do mundo real. E nesta seleção vemos exatamente isso sem tirar nem por.

warlock

Warlock

Surgiu em Marvel Premiere # 1 com roteiros de Roy Thomas e arte de Gil Kane.

Na verdade eu nunca havia lido muita coisa deste personagem. Me recordo apenas de vê-lo em alguma grande saga geralmente envolvendo o vilão Thanos.

No gibi estamos na nave do Alto Evolucionário, um ser inteligentíssimo que em ânsia por criação deu vida aos novos homens.

Na sua busca por resultado criou o Homem-Fera, um lobo evoluído, porém não demorou muito para que a criatura se voltasse contra seu criador.

No entanto o AE teve auxílio tanto do Poderoso Thor quanto do Incrível Hulk. Então no meio das ponderações de seus feitos encontrou Warlock vagando pelo espaço num tipo de casulo.

O Alto Evolucionário encontrou em Warlock, um ser que poderia considerar como seu igual. Só que mais uma vez querendo provar algo pretendeu criar um novo planeta Terra (Contra Terra) retirando todos os problemas que nos assolam.

Então, milhares de anos de evolução passaram-se por minutos, mas devido ao extenuante cansaço o Evolucionário caiu no sono.

O Homem Fera se aproveitando deste momento incutiu nessa raça toda selvageria e violência que já existia aqui. Ao recobrar sua consciência o AE luta bravamente contra o Homem-Fera e seria morto se não fosse a intervenção de Warlock que decide ir pra Contra Terra lutar por aqueles que precisam de auxílio e justiça.

Nem preciso comentar que o roteiro de Roy Thomas é excelente, pois confesso que viajei na narrativa mesmo tendo poucas páginas.

Há uma carga filosófica impressionante mostrando vida, morte, criação, resignação entre outros elementos muito bons. E principalmente a arte de Gil Kane consegue emoldurar cada momento de maneira ímpar (fazendo valer a pena cada página lida).

luke-cage

Luke Cage

Hero fo Hire I tem roteiro de Archie Goodwin e desenhos de George Tusksa.

Preso por um crime que não havia cometido, Lucas sofre perseguição na cadeia e como única solução decide entrar num programa experimental.

A sabotagem feita pelo ex-diretor Rackman concedeu-lhe poderes extraordinários. Então após fugir da prisão decidiu usa-los pra quem pagasse melhor.

Muito se comenta pelo uniforme de gosto duvidoso que Luke Cage usava, mas afinal de contas eram os anos 70.

E muitos cantores daquela época também tinham seus figurinos exagerados no vestuário.

O grande acerto no roteiro de Archie Goodwin é mostrar uma trama densa, num tipo bem realista e cheia de reviravoltas.

A arte de George Tuska é bem detalhista e a melhor parte é o estilo policial que nos conecta aos filmes blackexploitation.

No final da aventura já temos a inclusão de um adversário o Cascável (Willis Stryker) fato que desencadeará em mais histórias interessantes.

Na telinha Luke Cage entrou no seriado Jessica Jones interpretado pelo ator Mike Colter.

Ambos vieram de uma existência sofrida na vida amorosa, mas sua história é tipo pólvora e fogo (uma combinação bombástica).

Lembrei que no desenho Ultimate Homem-Aranha Luke Cage também participa das aventuras ao lado de Peter.

punho-ferro

Punho de Ferro

Sua primeira aparição foi no gibi Marvel Premiere # 15 com roteiro de Roy Thomas e arte de Gil Kane.

Punho de Ferro era outro herói que eu não conhecia nada dele (apenas que era parceiro do Luke Cage e mais nada).

Nesta história acompanhamos a expedição promovida por Wendell Rand que estava procurando a cidade mística de Kun Lun. Além dele também estavam Heather, sua esposa, Daniel Rand, seu filho e seu sócio Harold Meachum.

Essa cidade só parecia na Terra há cada dez anos e estava fazendo muito frio, porém Mitchum maldosamente provocou a morte dos pais de Daniel e retornou pra ficar com os negócios de sua família.

Devido ao sacrifício de sua mãe e um esforço descomunal Daniel chega até os portões de Kun Lun. Ao ser levado á presença de Yu-Ti revela seu desejo de vingança sendo treinado em diversas modalidade sde artes marciais.

Devido ao seu extenso treinamento Daniel aprendeu a controlar seu Ki, um tipo de energia espirritual. Apesar de tudo que havia aprendido achava que ainda não era o suficiente e foi incumbido de um último  e derradeiro desafio.

Enfrentar a serpente imortal Sho-Lao e após derrotá-la recebeu a tatuagem em forma de dragão sendo transformado no Punho de Ferro.

O poder que Daniel utiliza é incrível canalizando-o através de seu Ki algo que torna sua mão insensível á qualquer tipo de dor. É óbvio que treinou vário anos pra conseguir tal feito.

Quando consegue esses poderes Rand resolver retornar pra conseguir sua vingança contra o assassino de seus pais.

É uma aventura instigante, pois o treinamento de Rand o tornou um dos maiores lutadores do mundo todo (talvez o melhor deles).

A arte de Gil Kane é magnífica sempre nos mostrando cenas incriveis e  roteiro de Roy Thomas segue todo aquele contexto dos filmes de Templo de Shaolin que havia naquela época.

Lembrei que Danny participa do desenho Ultimate Homem-Aranha sempre falando de maneira calma e dando conselhos zen.

nova

Nova

Surgiu na edição Nova # 1 com arte de John Buscema e roteiro de Marv Wolfman.

Richard Rider era um estudante e adolescente comum. Não havia nada de mais em sua vida, pois era um péssimo atleta e nem fazia muito sucesso com as garotas (infelizmente até sofrendo até bullyng do idiota do Mike).

Indo parar no hospital desacordado estranhamente através de um sonho o último Centurião Nova (Rhomann Dey) conta que estava perseguindo o vilão Zorr, o Conquistador que havia destruído seu mundo.

E como estava prestes a morrer concedeu pro rapaz seus poderes (a Força Nova) para que possa vingar não apenas sua morte, mas também de todos os habitantes de seu planeta.

Rich não acreditava que aquilo tudo havia acontecido, mas na escola notou que sua inteligência havia aumentado ao resolver um problema de matemática facilmente.

Mesmo apreensivo conseguiu que seus poderes se manisfestassem pra enfrentar o vilão foi uma luta ferrenha e quase seria derrotado se não houvesse o sacrifício de Rhomann que utilizou suas últimas forças pra matar o monstro.

A arte de John Buscema fala por si só nesta aventura, pois consegue ser tão repleta de detalhes e ao mesmo tempo magnífica (deixando-nos com aquela vontade de acompanhar mais e mais e mais).

Essa vontade nos é impingida pelo excelente roteiro de Marv Wolfman que nos traz aquele sentimento de querer fazer algo maior e significante em nossas vidas.

Só pra constar, além de poder voar, Nova possui poderes de força, resistência, velocidade, invulnerabilidade, disparar raios e fator de cura.

Como curiosidade Frankie Raye e Sam Alexander são outros heróis que usaram a alcunha de Nova.

E pra realmente fechar Rich também participa do desenho Ultimate Homem-Aranha.

Peter e ele discutem demais sempre implicando um com o outro. Seus poderes demonstram serem iguais aos que foram citados.

No final da edição há diversas capas de gibis com outros heróis que surgiram na década de 70 como: Miss Marvel, Homem-Máquina, Os Invasores, Homem-Formiga (Scott Lang), Os Eternos, Senhor das Estrelas, Os Campeões, Shanna the She-Devil entre outras.

Espero que tenham gostado.

Anúncios

Os Invasores

z

É uma antiga equipe da Marvel Comics que foi criada para ser a equivalente ao Esquadrão Vitorioso (All-Winners Squad).

Assim como aconteceu com a Sociedade da Justiça, Os Invasores também tiveram duas formações. Uma durante a Era de Ouro quando foi criada por Bill Finger  surgindo em All-Winners Comics # 19 e outra mais “recente”.

Na formação original tínhamos: Capitão América, Bucky (James Buchanan Barnes), Namor, o Príncipe Submarino, o Tocha Humana original (Jim Hammond), seu assistente o Centelha (Thomas Raymond), Miss America (Madeline Joyce), o velocista Whizzer (Bob Frank), Blonde Phantom ((Louise Mason Grant)) e Anjo (Thomas Halloway).

A segunda equipe de The Invaders foi criada pelos lendários Roy Thomas e Sal Buscema e surgiram na edição The Avengers # 71, em 1969.

Essas histórias foram mostradas em flashback’s fazendo referência aos acontecimentos dos anos 40 (naquela época a editora era conhecida como Timely Comics).

Nesta formação tínhamos o retorno dos heróis: Capitão América, Bucky, o Tocha Humana original, o Centelha e Namor, o Príncipe Submarino. Após salvarem a vida do primeiro ministro britânico Winston Churchill, ele sugeriu que unissem forças para combater o mal, pois se encontravam no período da Segunda Guerra Mundial.

Após irem pra Inglaterra numa missão tivemos a inclusão de outros heróis como: Union Jack e a bela Spitfire. Depois que Union Jack estabeleceu uma base pros Invasores na Inglaterra.

Depois foram incluídos na equipe a Miss America,  Whizzer (Bob Frank), Silver Scorpion e também Blazing Skull.

A equipe lutou diversas vezes contra agentes inimigos do Eixo e tiveram que superar um enorme trauma quando ocorreu as “mortes” do Bandeiroso e Bucky durante a clássica explosão daquele avião experimental.

Só pra constar se eu não estiver enganado, esse acontecimento foi visto no episódio “Conheçam o Capitão América”, na série animada dos Vingadores.

Voltando, essa aventura marcou o término da Segunda Guerra Mundial e foi mostrada na edição The Avengers, # 4, em1964.

Após o fim da Guerra tivemos uma nova formação da equipe que incluia William Naslund (Espírito de 76) e Fred Davis, que assumiram o manto de Capitão América e Bucky.

Algum, tempo depois o grupo participava da revista dos Vingadores e ganhou sua própria edição Giant-Size Invaders #1 de 1975.

Um fato estranho é que os gibis 5 e 6 mostraram outra equipe na Segunda Guerra, a Legião da Liberdade numa aventura dividida em duas partes conhecida como “O Caveira Vermelha Ataca” (“The Red Skull Strikes”) conectada com ais duas edições de Marvel Premiere # 29 e 30.

Em 2004, surgiu os Novos Invasores numa história conhecida como “Uma vez Invador…” (“Once na Invader). Era uma equipe reformulada por Chuck Austen que foi mostrada na edição The Avengers vol. 3, # 82.

Pouco tempo depois tivemos essa equipe em The New Invaders revista própria que começou do número zero e teve apenas dez edições indo até 2005. Nela havia o trabalho do desenhista C. P. Smith e do escritor Allan Jacobsen.

Essa nova formação era composta pelo Agente Americano (John Walker), Union Jack (Joseph Chapman), Blazing Skull (Mark Todd), Thin Man (Dr. Bruce Dicckson), o Tocha Humana original e também pelos heróis Fin e sua esposa Nia Noble que atuavam nela e vez em quando.

Os Novos Invasores se reuniram pela intervenção de Dell Rusk, Secretário de Defesa dos Estados Unidos. Na verdade era o Caveira Vermelha disfarçado que tinha aintenção de usar a equipe em seus próprios prpopósitos.

Só que os Novos Invasores descobriram sua trama  algo que custou a “morte” do Tocha Humana original e depois disso a maior parte dos membros abandonou a equipe.

Só pra constar na série animada do Escalador de Paredes dos anos 90. Tivemos o episódio “Seis Guerreiros Esquecidos”, no qual Capitão América, Miss America e outros heróis da Era de Ouro auxiliam o Cabeça de Teia para deter o Caveira Vermelha.

Há algum tempo atrás tivemos o crossover Vingadores vs Invasores: Choque de Gerações que foi publicado por aqui em 2009.

Na trama a equipe original dos Invasores composta pelo Sentinela da Liberdade, Bucky, Namor, Tocha Humana e Centelha estavam num combate contra o Caveira Vermelha.

Mais o vilão através do Cubo Cósmico (ou Tesseract) faz com que a equipe seja enviada pro futuro. Sem se dar conta quando chegam no séc. XXI encontrando um tempo em que Steve Rogers está morto.

Infelizmente a equipe do passado começou a virar um enorme problema pro fluxo temporal. Então os Novos Vingadores de Luke Cage e os Poderosos Vingadores do Homem de Ferro se juntam para envia-los de volta pra sua época.

Só que inesperadamente, Ultron também consegue atrapalhar os heróis alterando o passado. E através do conhecimento do Doutor Estranho todas as equipes precisam viajar pra alterar um passado onde os nazistas sairam vitoriosos e o Caveira Vermelha está ansioso pra destrui-los (podendo assim conquistar de vez o futuro).

Confira na galeria abaixo algumas imagens dos Invasores e outros heróis da Marvel que garimpei na web

0-Invaders_11.01.112.1-invaders234-alex-ross567-alex-ross8.1-invasores-david-finch8.2-john-cassaday8.3-timely-comics8.4-bruce-timm8.5-Liberty_Legion8.6911-Wolverine_by_mike-mayhew121314-uncanny-x-men15-john-byrne16-bruce timm17-avengers1819202122232425adam-warlockbeta_ray_billBishopGladiatorgravitoninhumansinvaders-x-sjalja-x-vingadores 1lja-x-vingadores 2magnummanto-negro-adagamiles-moralesNew_Mutants_by_AlRioNick_Fury_Agent_of_SHIELD_by_Joe_Juskospider-man and she-hulkspider-man-gabrielle dell'ottospider-man-simpsonsvigiawallpaper 0wallpaper 1-alan-daviswallpaper 2-by-alan-daviswallpaper 3wallpaper_motoqueiro-fantasmawallpaper-avengers-alex-rosswallpaper-fantastic-four-classic-by-alex-rosswallpaper-hulkwallpaper-marvel heroes